Parque Nacional da Chapada Diamantina reabre e ICMBio disponibiliza plataforma para agendamento de trilhas - Comando Brasil

Parque Nacional da Chapada Diamantina reabre e ICMBio disponibiliza plataforma para agendamento de trilhas

Vale do Pati na Chapada Diamantina (Foto: Eduardo Moody)










Trilhas para a Cachoeira do Sossego, Ribeirão do Meio, da Cachoeira do Capivari são algumas que estão permitidas para os visitantes que serão obrigados a cumprir exigências sanitárias.

Informações Jornal da Chapada

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) emitiu uma nota para a imprensa informando que o Parque Nacional da Chapada Diamantina será reaberto parcialmente neste sábado (21). Essa é a primeira fase de reabertura que envolve a visitação de turistas. Atendendo aos protocolos de segurança, terá previamente de ser agendadas as visitas para evitar aglomerações. O ICMBio disponibiliza uma plataforma de agendamento para controle do fluxo, o que permite identificar quais os atrativos estão sendo mais procurados na data escolhida. (Você pode acessar por aqui e marcar sua visitação).

Uma parte dos atrativos turísticos serão reabertos e acessados pelo município de Lençóis. Para isso, os visitantes deverão atender e cumprir todos os protocolos sanitários (veja aqui os protocolos). De acordo com a analista ambiental, Marcela de Marins, “a colaboração de condutores e visitantes na utilização da plataforma é muito importante para o monitoramento da visitação”, afirma.

O Vale do Pati é um dos locais mais buscados por trilheiros e continua fechado para visitação (Foto: TV Bahia)
O Vale do Pati é um dos locais mais buscados por trilheiros e continua fechado para visitação (Foto: TV Bahia)

Dos atrativos autorizados estão as trilhas para a Cachoeira do Sossego, Ribeirão do Meio, para a Cachoeira do Capivari, do Mixila e para a Cachoeira do Palmital. O ICMBio também autoriza as trilhas para o Pai Inácio/Barro Branco. Em nota, o órgão ressalta, que outros atrativos turísticos não estão autorizados no momento, entre eles estão a da Gruta do Lapão, trilha Capão/Lençóis, Lençóis/Cachoeira da Fumaça, além das trilhas para as cachoeiras do Fundão, 21 e Roncador.

Ainda de acordo com o ICMBio, os visitantes deverão fazer o uso obrigatório de máscara, em grupos de no máximo 10 pessoas, incluindo o condutor, manter o distanciamento de dois metros entre os visitantes, higienizar as mãos com álcool em gel 70% em cada parada ou logo após trechos que necessitem utilizar as mãos, como as ‘escalaminhadas’.

O ICMBio, também em exigência sanitária, pede que resíduos contaminantes, como máscaras, devem ser embalados e descartados fora do Parque Nacional seguindo as normas municipais. O instituto vem dialogando com as prefeituras dos seis municípios do entorno do parque para definir em que momento e de qual forma as trilhas e atrativos serão reabertos, procurando conciliar a estratégia de combate à covid-19 dos municípios e as demandas de visitação.

Compartilhar Google Plus

Compartilhe e comente nas redes sociais

Compartilhar Whats