Morro do Pai Inácio na Chapada Diamantina reabre para visitações durante pandemia após pressão de turistas e moradores - Comando Brasil

Morro do Pai Inácio na Chapada Diamantina reabre para visitações durante pandemia após pressão de turistas e moradores

“Duas pias foram instaladas no local e os monitores estão equipados com rádios para orientar os grupos de turistas que só poderão permanecer no local durante 30 minutos e em máximo 30 pessoas”, afirma o secretário de Turismo de Palmeiras.

Informações Jornal da Chapada

Morro do Pai Inácio na Chapada Diamantina (Foto: Reprodução Intagram @ricardo_tim_)
Morro do Pai Inácio na Chapada Diamantina (Foto: Reprodução Intagram @ricardo_tim_)

O
Morro do Pai Inácio, um dos cartões-postais da Chapada Diamantina, reabre para visitações nesta quarta-feira (30) após ser fechado por medidas de segurança sanitária necessárias durante a pandemia do novo coronavírus.

Segundo o secretário de Turismo e Meio Ambiente de Palmeiras, onde o ponto turístico é situado, Janivaldo Campos, o popular ‘Nininho’ houve influência da população e de turistas. “As pressões para reabrir o Pai Inácio, depois de muitas reuniões a respeito do assunto, foram muitas e não tinha como mais deixar fechado”, afirma ‘Nininho’ em entrevista ao Jornal da Chapada.

Para mediar as visitações, o secretário municipal relatou à reportagem que oito funcionários estarão disponíveis, em escalas, para informar aos visitantes sobre os protocolos de segurança necessários e orientar sobre o período de visitação.

“Os monitores estão equipados com rádios para comunicar aos outros funcionários sobre os grupos de turistas, que só poderão permanecer no Morro Pai Inácio durante 30 minutos e em grupos de 30 pessoas por vez”, explica.

Além dos monitoramentos do ponto turístico, “duas pias foram instaladas no local para higienização das mãos e álcool em gel também será disponibilizado aos visitantes no receptivo do Pai Inácio.

A Secretaria de Turismo e Meio Ambiente salienta a “importância de todos conseguirem manter os cuidados para que não haja contaminação em massa do coronavírus. Uso de máscara é fundamental para visitação, além do distanciamento entre os visitantes”.

Compartilhar Google Plus

Compartilhe e comente nas redes sociais

Compartilhar Whats