Polícia Civil prende suspeito de homicídio e estupro em Barra da Estiva

A jovem Rhanna Kevila da Silva Almeida, foi brutalmente assassinada a facadas em sua casa na Barra da Estivatambém esta sendo investigado se houve o estupro, devido ter sido encontrada sem roupas.

(Foto: Divulgação/ Polícia Civil)

Através de câmeras de monitoramento que tem em uma das praça da cidade de Barra da Estiva, a policia chegou a um suspeito do homicídio e estupro da jovem Rhanna de 15 anos no dia (01/06)A Polícia Civil cumpriu na manhã de quarta-feira (11), o mandado de prisão em desfavor de Carlito Camilo Souza. 

O delegado de Barra da Estiva, Dr. Joíldo dos Humildes, em entrevista a Rádio 88 de Livramento de Nossa Senhora, afirmou ao repórter Emanuel Fernandes, que há fortes indícios contra Carlito Camilo Souza. 

Delegado de Barra da Estiva. Dr. Joíldo dos Humildes (Foto: Informe Barra)
O delegado disse que: “Nós conseguimos chegar até o suspeito por conta do celular da vítima ter sido retirado do local do crime e, este mesmo celular, foi descartado por Carlito no jardim da igreja matriz. As câmeras captaram a imagem dele. Ele foi interrogado, negou ter descartado o celular, mentiu, entrou em contradição várias vezes, quanto a presença dele na praça, mas as imagens das câmeras são claras, mesmo ele negando. O local foi monitorado pelas câmeras e só foi registrado a imagem dele, estava chovendo no momento, não tinha ninguém na praça […]. Carlito trabalha como churrasqueiro “Churrasco Grego” na cidade, manipula facas semelhantes a que a vítima foi morta, e ele não tem um álibi de quando foi cometido o crime; ou seja, de 16:20 às 17h, as câmeras não conseguem flagrar ele em local nenhum da cidade, ele disse que estava com a esposa, mas ela nega, dizendo que ele não estava em casa.” disse o delegado; acrescentado que: “No interrogatório ele disse que não conhecia a família da vítima, mas o concunhado confirma que ele conhecia a família da vítima, então são diversas contradições que mostram que ele está mentindo. É um individuo extremamente frio e calculou todo o trajeto, certamente pulou o muro dos fundos da casa para, supostamente, estuprar e assassinar a jovem, além de colocar fogo no local para dificultar a perícia”.  
Delegado, Dr. Joíldo dos Humildes.

(Foto: Reprodução/ WhatsApp)
A jovem foi encontrada sem roupa em sua casa, perfurada com uma arma branca (faca) 17 vezes, e não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no Hospital Suzzy Zanfreta em Barra da Estiva.

A policia aguarda o laudo com os resultados da coleta do material biológico do suspeito e o que foi encontrado no local do crime, para ter a confirmação se Carlito é o autor do estupro e homicídio da Rhanna Kevila da Silva Almeida.

O suspeito está preso na delegacia de Brumado, e se confirmado a autoria do crime, ele vai responder pelos crimes de homicídio qualificado e estupro.


Estamos acompanhando o caso, assim que for divulgadas as informações estaremos atualizando...
Compartilhar Google Plus

Compartilhe e comente nas redes sociais

Compartilhar Whats

0 Comentários:

Postar um comentário