Dona de terreiro e mais 8 são presos em Camaçari e Dias D'Ávila por tráfico de drogas

Quadrilha foi capturada na manhã desta quarta-feira (21)

Informações Correio24horas
Nove pessoas foram presas na manhã desta quarta-feira (21) nas cidades de Camaçari e Dias D’Ávila, Região Metropolitana de Salvador, acusadas de envolvimento com o tráfico de drogas. As prisões foram efetuadas durante a Operação Tapuias, deflagrada pelo Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), que também cumpriu 21 mandados de busca e apreensão. A ação reuniu 88 policiais civis e continuará ao longo da semana. 

Nove foram presos em operação (Foto: Divulgação/Polícia Civil)
Nove foram presos em operação (Foto: Divulgação/Polícia Civil)

Segundo informações da polícia foram cumpridos 7 mandados de prisão e outras duas foram em flagrante. Anselmo de Jesus Mendes, 38 anos, Antônio Carlos da Silva Bispo, o Tio, 40, Juraci Santos da Silva, também conhecido como Bita, 28, Munique Souza Paz Bispo, 32, Nívea Maria Bispo dos Santos, 37, Josiane da Silva Cardoso, a Josi, 30, Rosilene Santos Aragão, a Tina, 33, Antônio Tiago Luz dos Santos, o Sidof, 22, e  Maria do Socorro Calmon Almeida integravam a quadrilha, liderada por Antônio Carlos e Juraci.  A polícia não confirmou se os presos já possuíam outras passagens pela polícia. 
Ao todo foram apreendidos um veículo Cobalt, que está registrado em nome de Anselmo, um revólver calibre 38, um tablete com aproximadamente 900 gramas de crack, munições para pistolas 9 mm, 380 e revólver calibre 38, além de duas balanças de precisão. 
Com Maria do Socorro, a polícia também apreendeu pedras de crack, uma pistola 380 e um revólver calibre 38. As drogas e as armas foram encontradas em um terreiro de candomblé em Camaçari do qual Maria era proprietária. Já com Anselmo a polícia encontrou um revólver calibre 38 e uma pistola 9mm.
Os presos foram conduzidos para o Complexo Penitenciário da Mata Escura na tarde de hoje. As investigações estão sendo conduzidas pelos delegados Alexandre Narita e Pedro Fernandes, do Draco. 
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário