Professor do município de Palmeiras vence XVIII Prêmio Arte na Escola Cidadã

O Prêmio Arte na Escola Cidadã faz um mapeamento de trabalhos desenvolvidos em escolas das cinco regiões do país

Informações Jornal da Chapada
(Foto: Reprodução)

O professor Whebert Walace de Quadro Costa, do município de Palmeiras, na Chapada Diamantina, foi um dos cinco vencedores do XVIII Prêmio Arte na Escola Cidadã, que mapeia práticas exemplares realizadas na Educação Básica. Esse é o maior prêmio do Brasil voltado exclusivamente para professores de Arte e conta com a cooperação da Organização das Nações Unidas para a Educação (Unesco) desde sua primeira edição, em 2000.
O Prêmio Arte na Escola Cidadã faz um mapeamento de trabalhos desenvolvidos em escolas das cinco regiões do país. Em 2017, foram 727 projetos inscritos. As categorias de premiação são cinco Educação Infantil, Ensino Fundamental 1, Ensino Fundamental 2, Ensino Médio e EJA – Educação de Jovens e Adultos.
O projeto ‘Era uma Casa’, do professor Whebert gerou grande impacto na relação dos alunos com a cidade e no respeito ao patrimônio. A partir de um tema simples, o professor criou possibilidades de observação e construção de diferentes olhares para a cidade e a própria escola.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário