Baiana Valdineia Soriano é eleita ‘Melhor Atriz’ no Festival de Brasília

A noite de encerramento e premiação contou com exibição do filme "Abaixo a Gravidade", de Edgard Navarro

Informações bahia.ba
(Foto: Divulgação)

A baiana Valdineia Soriano ganhou o Candango de “Melhor Atriz” no 50º Festival de Brasília de Cinema Brasileiro cuja cerimônia de premiação e encerramento aconteceu neste domingo (24), após dez dias de programação, com a exibição do filme “Abaixo a Gravidade”, do também baiano Edgard Navarro.
Valdineia foi agraciada por sua atuação em “Café com Canela”, de Ary Rosa e Glenda Nicácio, produção baiana que ganhou outros dois troféus: “Melhor Roteiro” – Ary Rosa; e “Prêmio Petrobras de Cinema” – escolhido por júri popular e que assegura R$ 200 mil para distribuição do longa.
Já na categoria curtas, “Mamata”, dirigido por Marcus Curvelo, foi o baiano premiado: “Melhor Filme”; “Melhor Ator” – Marcus Curvelo; “Melhor Montagem” –Amanda Devulsky e Marcus Curvelo.
O grande vencedor do festival, no entanto, foi o mineiro “Arábia”, de Affonso Uchoa e João Dumans, com cinco Candangos: “Melhor Filme”; “Melhor Ator” –Aristides de Sousa; “Melhor Trilha Sonora” – Francisco Cesar e Cristopher Mack; “Melhor Montagem” – Luiz Pretti e Rodrigo Lima; e “Prêmio Abraccine”.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário