Nove pessoas da mesma família são envenenadas em almoço do Dia das Mães

Principal suspeito é o ex-namorado de uma das vítimas, que inclusive tem o estado de saúde mais grave

Informações Correio24horas
UPA da Caxangá recebeu cinco das vítimas (Foto: Reprodução/TV Globo)
UPA da Caxangá recebeu cinco das vítimas (Foto: Reprodução/TV Globo)

Nove pessoas de uma mesma família foram envenenados durante um almoço em comemoração ao Dia das Mães neste domingo (14), em Camaragibe, na região metropolitana de Recife. O principal suspeito do crime é o ex-namorado de uma das vítimas, Débora Regina Belo Soares, 20 anos, que inclusive tem o estado mais grave e segue internada na emergência do Hospital da Restauração. A única vítima fatal foi o gato da família que também comeu do alimento envenenado.

Logo depois do almoço, as nove pessoas foram socorridas para a Unidade Pronto Atendimento (UPA) de Caxangá e de Torrões. Três pessoas não apresentaram reação ao veneno e a Polícia Civil não os considera vítimas. Mesmo assim, eles foram medicados e ficaram em observação. Segundo Jornal do Commercio, familiares contaram que Débora Regina está respondendo bem ao tratamento.
Segundo a polícia, o suspeito do crime, identificado como Kiko, tinha ameaçado a jovem após o rompimento. Ele teria ido até o imóvel no sábado (13) para envenenar a comida feita por Débora Regina. Ainda de acordo com o Jornal do Commercio, a suspeita é de que ele tenha colocado o veneno em um tempero.
Débora chegou a passar mal ainda no sábado, mas os familiares não desconfiaram da comida. No domingo, após outras pessoas passarem mal, as suspeitas aumentaram. Já que o suspeito buscava vingança e estava rondando a casa nos últimos dias.
Kiko possui passagem pela polícia por receptação de produtos roubados em 2013. Na casa, a polícia colheu alimentos e o tempero que o suspeito pode ter envenenado. Um lençol e os vômitos das vítimas e do gato também foi levado para a perícia. O caso está sendo investigado pelo delegado Adyr Almeida, do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), que só vai se pronunciar após os exames.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários