Qualidade da água de rios baianos é monitorada por ONGs

Ação começa pelo Rio Lucaia, em Salvador, na tarde desta terça-feira; voluntários foram capacitados para participar de coleta e análise

Informações bahia.ba
(Foto: Blog do Rio Vermelho)

Os rios baianos Lucaia, Jaguaripe, Catu, Camarajipe e Rio das Pedras terão a qualidade de suas águas analisadas em ação das organizações não governamentais SOS Mata Atlântica e Ypê. O primeiro rio a ser analisado na Bahia é o Rio Lucaia, nesta terça-feira (8), a partir das 14h. As pessoas que participam da iniciativa se cadastraram antes no projeto Observando os rios, e participaram de uma breve formação.
A ação tem o objetivo de envolver a comunidade na proteção de rios, nascentes e córregos, com a coleta mensal de amostras, cujos resultados são divulgados na internet. Aspectos como a quantidade de oxigênio, PH, fosfato, entre outros, são observados pelos voluntários por meio de um kit desenvolvido especificamente para o projeto.
Conforme Malu Ribeiro, especialista em recursos hídricos da SOS, “a formação de uma rede de cidadãos para monitorar a qualidade da água dos rios brasileiros é um instrumento de engajamento e mobilização por avanços no saneamento”.
Ainda de acordo com a equipe do projeto, mesmo que um interessado não tenha participado da formação inicial pode acompanhar a ação de monitoramento dos rios.
Serviço:
Dia 8/11
Rio Lucaia, às 14h. Ponto de referência: Dique do Tororó
Dia 9/11
Rio Jaguaripe, às 9h, e Rio Pituaçu, às 14h. Ponto de encontro para ambos: Portaria da UCSAL Universidade Católica do Salvador
Dia 10/11 
Rio Catu, às 9h, em Alagoinhas. Ponto de encontro: Universidade do Estado da Bahia
Rio Camarajipe, às 15h, em Salvador. Referência: Parque Costa Azul
Dia 11/11
Rio Lucaia, às 7h. Ponto de referência:  em frente ao PA6 da UNIFACS
Rio das Pedras, às 9h, ponto de encontro: Shopping Caboatã
Rio Pojuca, às 14h – Reserva Sapiranga (rua da Tapera) – Sentido Praia do Forte
Dia 12/11 
Rio Ipitanga e Rio Itaboatã, às 8h, em Simões Filho.  Em locais a combinar.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários