PM é preso suspeito de integrar grupo que explodiu cofre de banco

Crime aconteceu na terça-feira (9), no município de Jacobina, na Bahia.Bandidos fizeram reféns, explodiram cofres e fugiram com dinheiro.


Informações G1 BA
(Fotos: Imagens / TV Bahia)

Um policial militar foi preso no município de Jacobina, região norte da Bahia, na terça-feira (9). Segundo informações da delegacia, o PM é suspeito de estar envolvido no assalto a banco, com reféns, que aconteceu na cidade durante a madrugada de terça.
Ainda de acordo com a delegacia, o PM foi flagrado com grampos de metal, artefato utilizado pelos bandidos que assaltaram o banco para dificultar a perseguição da polícia. Em depoimento, o suspeito negou participação no crime.
A polícia também encontrou um dos quatro veículos que foram utilizados pelo grupo durante a ação. Entre eles, uma caminhonete que estava próxima de uma localidade conhecida como Palmeirinha, onde os reféns foram liberados.

Crime
Um grupo formado por aproximadamente 30 homens fortemente armados explodiu o cofre de uma agência bancária do município de Jacobina, região norte da Bahia, na madrugada de terça. Dois vigilantes da agência foram feitos reféns e liberados no final da ação dos bandidos.
O grupo arrombou a porta dos fundos da agência e teve acesso ao cofre. Depois da explosão, eles fugiram com o dinheiro a bordo de quatro caminhonetes e liberaram os reféns em uma localidade conhecida como Palmeirinha, próximo a cidade de Jacobina. Ninguém ficou ferido.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário