Bancários da Bahia aprovam greve a partir de terça-feira

Foram sete rodadas de negociação com a Fenaban sem avanços considerados significativos pela categoria

Informações Correio24hs

Bancários votaram em assembleia esta noite  (Foto: Divulgação)
Bancários votaram em assembleia esta noite  (Foto: Divulgação)


Os bancários da Bahia decidiram em assembleia na noite desta quinta-feira (25) entrar em greve por tempo indeterminado a partir da terça-feira (30).
Foram sete rodadas de negociação com a Fenaban sem avanços considerados significativos pela categoria. Os bancos oferecem reajuste de 7%, mas os trabalhadores querem 12,5%, que segundo eles representa 5,4% de aumento real do salário.
A assembleia aconteceu no Ginásio de Esportes, na ladeira dos Aflitos.  Uma nova assembleia está marcada para a segunda, às 18h, para organizar a paralisação.
O Comando Nacional dos Bancários já havia se posicionado contra a proposta de reajuste salarial na sexta-feira, mas incentivou os 134 sindicatos que representa no País a convocarem assembleias e votarem sobre o assunto. Com o slogan “Queremos Mais”, orientou os associados a rejeitarem a proposta.
De acordo com a Contraf, 46 assembleias já aprovaram a greve, sendo que os maiores sindicatos, como Brasília, São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Porto Alegre estão entre aqueles que já votaram pela paralisação. A confederação representa 134 sindicatos em todo o país.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário