Morre Ruth Escobar, uma das maiores atrizes do teatro no Brasil

Fundadora da companhia Novo Teatro, onde montou grandes clássicos, ela tinha 81 anos e sofria da doença de Alzheimer

Informações bahia.ba
(Foto: Divulgação)

A atriz e produtora Ruth Escobar morreu nesta quinta-feira (5), aos 81 anos, em São Paulo. Ela sofria de Alzheimer e estava internada no Hospital 9 de Julho, na Bela Vista. A informação foi divulgada pela Associação de Produtores de Espetáculos Teatrais do Estado de São Paulo (Apetesp).
Maria Ruth dos Santos Escobar nasceu no Porto, em Portugal, em 1936, e se mudou para o Brasil em 1951. Ela foi uma das mais notáveis personalidades do teatro brasileiro, empreendedora de muitos projetos culturais, especialmente comprometidos com a vanguarda artística.
O velório aconteceu no fim da tarde da mesma quinta, no teatro que leva o nome da atriz, que também fica na Bela Vista. A filha de Ruth, a cantora e atriz Pat Escobar, lamentou a morte da mãe em sua página no Facebook. “Partiu! Mãe! Saudades de tudo! O Christian estará aí para te receber! Agora só amor, paz, descanso… saudade!”, dizia a mensagem.
Ruth Escobar montou a companhia Novo Teatro, com o diretor Alberto D’Aversa, e protagonizou peças escritas ou dirigidas pelo marido, Carlos Henrique Escobar. Ela foi a estrela de espetáculos como “Antígone América” (1962), “Mãe Coragem e Seus Filhos”, de Bertolt Brecht, em 1960, e “Males da Juventude”, de Ferdinand Bruckner, em 1961, ambas dirigidas por D’Aversa.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário