Incêndio continua em Ibicoara e se aproxima do Parque do Espelhado; combate dura uma semana

O fogo é considerado complexo para os combatentes por ser dentro de uma floresta de difícil acesso, onde estão muitas turfas

Informações Jornal da Chapada
(Foto: Divulgação/PMI)


O fogo que consome a vegetação na região da Chapadinha, entre os municípios de Ibicoara, Itaetê e Iramaia, na Chapada Diamantina, continua e começou a seguir sentido ao Sul, próximo ao Parque Natural Municipal do Espelhado, área onde fica a Cachoeira do Buracão, ponto turístico bastante procurado. Mais de 40 brigadistas, entre voluntários, da Brigada do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio) e da Brigada PrevFogo Rosely Nunes, estão no combate desde que o fogo foi detectado, na quinta-feira passada (19), e foi intensificado no sábado (21).
Sobre a situação dos danos causados à natureza até o momento e do controle do fogo, Marcela de Martins, do ICMBio disse que o grupo “tem uma equipe com acampamento na floresta e nossa comunicação com eles é limitada”. “A informação que temos é que não entrou no Parque [Nacional da Chapada Diamantina] e está seguindo para o sul, mas não temos informação precisa de qual a distância está do Parque Municipal”, disse Martins.
O fogo é considerado complexo para os combatentes por ser dentro de uma floresta de difícil acesso, onde estão muitas turfas (o que causa focos subterrâneos do incêndio). “É um fogo difícil de se combater. Já estamos lá há uma semana”, lamentou Marcela. Conforme informações apuradas pelo Jornal da Chapada, a focos de incêndio também sendo combatido em municípios como IraquaraPiatã e Rio de Contas, todos na região da Chapada.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário