Saiba quais seleções lançaram campanha para Copa de 2030

Países oficializaram candidatura de sede conjunta para o Mundial e não têm concorrentes até o momento

Informações bahia.ba
(Foto: Reprodução)


A Copa de 2018 nem começou e a de 2022 vive problemas diplomáticos por causa da sede, o Qatar, mas a de 2030 já recebeu a primeira candidatura. A confirmação aconteceu durante um evento em Buenos Aires nesta quarta-feira (4) e oficializou a vontade de Argentina, Paraguai e Uruguai de sediarem de forma conjunta o Mundial.
O presidente argentino, Mauricio Macri, recebeu os governantes Horacio Cartes, do Paraguai, e Tabaré Vázquez, do Uruguai, na Casa Rosada, sede do governo portenho, para a oficialização, que teve também a presença do presidente da Fifa, Gianni Infantino.
“Se nos derem esta oportunidade, vamos ser grandes anfitriões. Nesta região do mundo, sobra paixão pelo futebol”, garantiu Mauricio Macri. “Ratificamos esse compromisso. Vamos ter o apoio da Conmebol. A região merece. O que se busca não é só dar lugar à paixão que compartilhamos. Estamos sempre buscando novos projetos. Vamos fazer um grande Mundial”, afirmou Macri durante o evento. A candidatura é única no momento.
Antes de 2030, ainda há 2026 e, para o evento, há propostas do Marrocos e de Estados Unidos/Canadá/México de forma conjunta.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário