Pai sequestra filha de nove meses em Luís Eduardo Magalhães

Segundo a mãe da menina, o ex-marido deixou uma carta onde alega que o bebê não é bem cuidado, mas ela nega

Informações bahia.ba
(Foto: Acervo pessoal)

Safira Benetino Avelino, de 19 anos, moradora do município de Luís Eduardo Magalhães (BA), denunciou o sequestro da filha de apenas nove meses pelo ex-marido, o pai da criança. Segundo ela, antes de fugir com a menina, Carlos Henrique Martins de Araújo, de 36 anos, deixou uma carta dizendo que não seria mais encontrado: “Sei que você vai me procurar, mas não vai me encontrar. Estaremos bem longe de tudo e de todos”.
O caso ocorreu na manhã da última quinta-feira (6) e foi registrado na delegacia local. Safira afirma que se separou de Carlos Henrique há cerca de três meses. Eles moravam juntos no município de Gurupi, no estado do Tocantins. Após a separação, ela decidiu voltar para o município natal, no oeste da Bahia.
“Ele já tinha vindo visitar a nossa filha outras vezes. Dessa vez, ele chegou dizendo que ia embora para a África. Pediu para tirar umas fotos com ela na praça antes da viagem. Ele é o pai e eu não queria tirar dele esse direito de sair com ela. Ele me pediu para eu arrumar uma bolsa com algumas peças de roupa. Eu fiz e ele saiu. Até agora não apareceu…”, contou ela. A menina se chama Yankka Avelino Martins.
“Estou desesperada. Já prestei queixa, já fui em rádio, já falei no Facebook. Só Deus sabe o que estou passando”, disse a mãe em entrevista ao G1.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários