Youtuber mais bem pago do mundo recebeu R$ 51 milhões em 2016

Informações Olhar Digital
Felix Kjellberg, o PewDiePie (Foto: Reprodução)
Felix Kjellberg, o PewDiePie (Foto: Reprodução)
Pelo segundo ano a revista Forbes realizou um levantamento para saber quem são os youtubers mais bem pagos do mundo. E mais uma vez o topo do ranking ficou com o sueco Felix Avrid Ulf Kjellberg, mais conhecido como PewDiePie.
Os dez canais que mais faturaram entre os junhos de 2015 e 2016 levantaram, juntos, US$ 70,5 milhões (R$ 241,2 mi), uma alta de 23% em relação ao valor do ano passado.
PewDie, sozinho, faturou US$ 15 milhões (R$ 51,3 mi) em 2016, o que representa um crescimento de 20%. Mas é uma quantia que não vem apenas do seu canal tradicional — que conta com quase 50 milhões de inscritos. Conforme ressalta a Fortune, Felix também ganhou bastante dinheiro com uma série no YouTube Red e com seu livro, “Este Livro Te Ama”, que vendeu 112 mil cópias no período analisado.
O segundo colocado no ranking é o humorista Roman Atwood, que viu seus ganhos aumentarem em quase 70% e chegarem aos US$ 8 milhões. Depois aparece a também comediante e rapper Lilly Singh, que faturou US$ 7,5 milhões, seguida pelo canal Smosh; tocado por Anthony Padilla e Ian Hecox, o Smosh já é um dos veteranos do YouTube e se desdobrou para uma série de outros produtos, o que rendeu à dupla o montante de US$ 7 milhões. O top 5 fecha com Rosanna Pansino, que recebeu US$ 6 milhões com seu trabalho que mistura culinária com ciência.
Os outros cinco são o ativista LGBT Tyler Oakley, que fez US$ 6 milhões, o gamer Markiplier (US$ 5,5 mi), o músico e comediante Germán Garmendia (US$ 5,5 mi), a dupla Rhett and Link (US$ 5 mi), e a também comediante Colleen Ballinger, que faturou US$ 5 milhões e até ganhou uma série na Netflix com sua personagem Miranda Sings.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários