Minha Mãe é uma Peça 2 é o filme brasileiro com maior faturamento na história

Filme com Paulo Gustavo obteve renda de R$ 117 milhões e já levou 8,8 milhões de pessoas aos cinemas

Informações Correio24horas
Mariana Xavier, Paulo Gustavo e Rodrigo Pandolfo em Minha Mãe é uma Peça 2 (Foto: divulgação)
Mariana Xavier, Paulo Gustavo e Rodrigo Pandolfo em Minha Mãe é uma Peça 2 (Foto: divulgação)

O filme Minha Mãe é uma Peça 2, com o ator Paulo Gustavo,  já vendeu R$ 116,4 milhões em ingressos e, com essa cifra, tornou-se a produção nacional que mais arrecadou na história. Com 8,8 milhões de ingressos vendidos, a comédia está em quarto lugar na lista de filmes brasileiros com maior número de espectadores. Nesse outro ranking, perde para Os Dez Mandamentos (2016), com 11,2 milhões de espectadores); Tropa de Elite 2 (2010), com 11,1 milhões, e Dona Flor e Seus Dois Maridos (1976), com 10,7 milhões. O quinto lugar é A Dama do Lotação (1970), que levou 6,5 milhões de brasileiros aos cinemas. O primeiro Minha Mãe é Uma Peça, de 2013, teve 4,6 milhões de espectadores.

Neste segundo filme, dirigido por César Rodrigues, Paulo Gustavo volta a viver Dona Hermínia, que se tornou apresentadora de TV, ficou famosa e rica, mas não mudou de personalidade. Ela continua irreverente e muito preocupada com os filhos, Marcelina (Mariana Xavier), que decide ser atriz e Juliano (Rodrigo Pandolfo), que diz a ela que é bissexual.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários