Juiz proíbe jornal de publicar texto sobre chantagem a Marcela Temer

Magistrado argumenta que a "inviolabilidade da intimidade de Marcela tem resguardo legal claro"

Informações bahia.ba
(Foto: Ricardo Pozzebom/ABR)

O juiz Hilmar Castelo Branco Raposo Filho, da 21ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Distrito Federal, proibiu nesta sexta-feira (10), o jornal Folha de S.Paulo e outros veículos de comunicação de publicar reportagens sobre informações obtidas por um hacker no celular da primeira-dama Marcela Temer.
A ordem foi dada a pedido de advogados de Marcela, após o jornal publicar em seu site notícia com o conteúdo de chantagens feitas pelo criminoso.
O juiz concedeu a medida em caráter de “urgência”, sem prejuízo de um exame mais aprofundado a posteriori. Em sua decisão, publicada às 18h56 desta sexta, Raposo Filho argumenta que a “inviolabilidade da intimidade de Marcela tem resguardo legal claro”.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários