Peru e ameixas são itens com maior reprovação do Ibametro

Estabelecimentos comerciais autuados terão 10 dias para apresentar a defesa; multa pode chegar a R$1,5 milhão

Informações bahia.ba
(Foto: Reprodução / GNT)

Fiscais do Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro) reprovou 30% dos perus fiscalizados na Operação Natal Seguro. Os produtos notificados não apresentavam indicação obrigatória na embalagem do peso líquido, levando o consumidor a pagar também pelo peso da embalagem.
A operação ocorreu entre os dias 12 e 14, em mercados na capital e interior da Bahia. A taxa de reprovação de 30% também foi atribuída ao item ameixa, cujo exame encontrou peso menor em relação ao indicado na embalagem, além da falta da indicação obrigatória do peso líquido na embalagem.
Os demais produtos verificados – panetones, chester, bacalhau, tender, roscas, queijo cuia, frutas cristalizadas, damasco, castanhas, nozes e passas – atingiram um índice de reprovação de 10%.
Os estabelecimentos comerciais autuados terão 10 dias para apresentar a defesa. A multa pode chegar a R$1,5 milhão, a depender do grau da infração.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários