Mulher que causou incêndio em Jacobina é identificada; "chorou muito", diz secretário

Uma aeronave será enviada à cidade para ajudar no combate às chamas nas áreas de difícil acesso

Informações Correio24horas
A Secretaria do Meio Ambiente de Jacobina, no Centro-Norte do estado, identificou a moradora responsável por iniciar o incêndio que atingiu as serras da cidade na última quarta-feira (18). A mulher, que não teve o nome divulgado, se apresentou na manhã desta sexta-feira (20) na secretaria e contou que colocou fogo em lixo e as chamas se alastraram acidentalmente.
"Ela esteve lá hoje pela manhã, disse que estava arrependida e chorou muito. Falou que não tinha a intenção", contou o secretário de Meio Ambiente, Ivan Aquino. Segundo ele, a mulher mora na Travessa São Sebastião, no bairro Bananeira, e resolveu atear fogo no entulho para matar um escorpião e se livrar do lixo. 

"O quintal dela fica perto da área de vegetação e o vento acabou espalhando as chamas nas folhas secas. Ficamos sabendo uma hora depois e quando chegamos lá já era tarde demais. O fogo se alastrou muito rápido e não tinha mais o que fazer", lamentou Aquino.

Ainda de acordo com o secretário, os moradores da cidade têm o hábito de queimar lixo e, por conta dessa prática, uma equipe passou pelos bairros, incluindo a Bananeira, há 15 dias fazendo uma campanha de conscientização contra a prática. 

"Falamos para não atear fogo em lixo e ter cuidado, pois nessa época é muito fácil de propagar. Mas infelizmente ela achou que era só um 'foguinho' e que não causaria um incêndio nessas proporções", disse.

A Secretaria de Meio Ambiente vai encaminhar o caso para o Ministério Público Estadual. "Ela causou um crime ambiental involuntariamente, mas o nosso foco agora é apagar esse incêndio. Depois disso, vou fazer um relatório de toda essa situação e mandar para o MP", completou o secretário de Jacobina.

(Foto: A Bahia Acontece)

Incêndio
As chamas ainda persistem nas serras de Jacobina. O fogo começou na quarta-feira (18) no bairro da Bananeira, atingiu o trecho que passa pelo bairro Leader, mas foi controlado por equipes do Corpo de Bombeiros, voluntários, brigadistas, homens do Exército e o pessoal da Secretaria do Meio Ambiente e da Coordenação de Defesa Civil. A Brigada de Incêndios da Yamana - empresa que explora minérios na cidade - também participa do combate fornecendo material para o trabalho.
Na manhã de quinta-feira (19) uma ventania reacendeu as chamas na região da Bananeira e espalhou o fogo pela vegetação até as proximidades da Serra da Macaqueira. Segundo a prefeitura, a expectativa é que a chuva ajude no combate.
"Choveu em Senhor do Bonfim e na região aqui perto. Mas já entramos em contato com o Inema e amanhã eles enviarão uma aeronave para apagar o fogo na área de difícil acesso aqui e em Pindobaçu", confirmou Ivan Aquino.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário