Garoto de 9 anos é apreendido por furto e diz que era obrigado pelo pai

Criança foi flagrada após furtar celular em churrascaria de Feira de Santana.
Ele disse que era agredido pelo pai quando se negava a praticar os crimes.


Informações G1 BA
Menino de 9 anos foi apreenido em Feira de Santana. (Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade)
Menino de 9 anos foi apreenido em Feira de Santana.
(Foto: Aldo Matos/Acorda Cidade)
Um menino de 9 anos foi apreendido em flagrante ao furtar um aparelho celular em churrascaria da cidade de Feira de Santana, a 100 km de Salvador, nesta segunda-feira (28). De acordo com a Polícia Militar, esse não teria sido o primeiro crime cometido pela criança. Em conversa com a polícia, ele disse que era obrigado pelo pai a praticar crimes. O suspeito, ainda não identificado, fugiu e deixou o filho sozinho.
De acordo com o sargento Costa, da 65ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM), o garoto foi flagrado com o celular logo após sair com o pai do restaurante, no bairro do Jardim Cruzeiro. "Antes de furtar na churrascaria, ele fez outros furtos. Com ele, encontramos apenas um celular, mas o pai estava com outros aparelhos em mãos", disse Costa.
Segundo a polícia, o pai teria ficado do lado de fora da churrascaria enquanto o filho entrou e aproveitou descuido das pessoas que estavam no local para furtar o celular. "O pai ficou na porta e ele subtraiu. Depois de colocar a criança para furtar em um determinado local, o pai levava o menino para outro ponto", destacou.
Segundo o PM, o homem correu quando viu o filho ser apreendido. "O menino alegou que o pai o força a cometer os crimes e que o traz para Feira de Santana e outras cidades da região para praticar os furtos", disse. O menino também contou que foi retirado da escola por ele. A polícia também não tem informações sobre a mãe da criança.
O garoto disse à polícia que mora com o pai em Salvador, mas não informou o bairro, e contou que, quando se nega a viajar para praticar os furtos, chega a ser agredido. "Ele tem a marca de um corte na mão esquerda e disse que foi causado por um golpe de facão dado pelo pai após uma ocasião na qual ele se negou a furtar", informou o policial.
O menino foi encaminhado para a Delegacia do Adolescente Infrator (DAI), localizada no bairro de Sobradinho, em Feira de Santana. Segundo a PM, o Conselho Tutelar da cidade também já foi acionado e acompanha o caso. O pai está sendo procurado.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário