Adolescente é vítima de estupro coletivo e tem os olhos arrancados

Violência fazia parte de um suposto ritual de exorcismo


Informações iBahia
(Foto: Reprodução)

Uma adolescente foi estuprada por um grupo de homens e, em seguida, teve os olhos arrancados por sua irmã durante um ritual macabro de exorcismo. Segundo informações do jornal britânico Mirror, o caso bizarro aconteceu na cidade de General Pinedo, numa província ao norte da Argentina.

A família de uma adolescente de 16 anos de idade, que não teve sua identidade revelada, alegou que tentava "salvar" a jovem já que ela estaria possuída pelo demônio. Ainda segundo a família, a adolescente costumava ver animais que ninguém mais via. Os pais da menina, então, pediram ajuda a um centro evangélico e a seu pastor.

(Foto: Reprodução)

A polícia prendeu a irmã mais velha da garota que alegou ter recebido ordens do pastor para remover os olhos da irmã. Segundo o depoimento, o líder religioso teria afirmado que o diabo tinha acesso à menina usando seus olhos e esse seria o motivo das visões misteriosas. A irmã usou uma faca fornecida pelo próprio centro evangélico.
Oficiais também prenderam um grupo de homens suspeitos de participarem do ritual estuprando a jovem. A vítima está internada na unidade de terapia intensiva do hospital Perrando de Resistencia.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário