Tarifas de água e esgoto passam a ficar mais caras neste sábado (6)

Reajuste de 9,97% se dá com base na variação da inflação e elevação do valor da energia elétrica

Informações Correio24horas
Os consumidores baianos passam a pagar 9,97% a mais pela água e esgoto neste sábado (6). No dia 1º de maio, a Agência Reguladora de Saneamento Básico do Estado da Bahia (Agersa) divulgou resolução que autoriza o reajuste anual das tarifas de água e esgoto da Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa).

Conta de água fica mais cara a partir deste sábado (6). (Foto: EBC)
Conta de água fica mais cara a partir deste sábado (6). (Foto: EBC)
Com o reajuste, a tarifa residencial social terá um aumento de 90 centavos, passando de R$ 9,40 para R$ 10,30. Já o valor para a residência intermediária subirá de R$ 18,40 para R$ 20,20 e a tarifa da residência normal será elevada de 20,90 para R$ 23. Os novos valores passarão a valer a partir do dia seis de junho. 
A resolução será publicada no Diário Oficial do Estado no dia seis de maio. De acordo com a Agersa, o reajuste se dá com base na variação da inflação e outros parâmetros de elevação de custos fixos, como energia elétrica, que sofreu, pelo menos, dois aumentos em menos de seis meses.
Além disso, o consumidor está pagando, desde fevereiro, a tarifa extra da bandeira vermelha. As bandeiras tarifárias entraram em  vigor em janeiro de 2015 e custam R$ 5,50 para cada 100 quilowate consumido. O primeiro reajuste autorizado pela Aneel, de 5,4%,  foi em 2 de março. Foi um reajuste extraordinário para cobrir custos com a geração de energia por usinas térmicas. 
Com o novo aumento, uma residência que consumia 100 kWh por mês e pagava uma conta de R$ 50,79 vai passar a pagar algo em torno de R$ 56,05 - uma diferença de R$ 5,25. Caso o consumo seja de 300 kWh, o gasto com energia, que era de R$ 156,91, pula para R$ 173,14, aumento médio de R$ 16,23. 
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário