Sargento da Polícia Militar é morto a tiros no centro de Eunápolis

Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a socorrer Dalvino para o Hospital Regional de Eunápolis

Informações Correio24hs
(Foto: Reprodução)
Um sargento da Polícia Militar foi morto a tiros na tarde desta sexta-feira (7) em Eunápolis, a 671 km de Salvador. Segundo informações da PM, Dalvino Ferreira Magalhães Filho, 46 anos, foi morto com tiros no peito quando caminhava pela rua. O suspeito desceu de uma moto e se aproximou dele para efetuar os disparos, fugindo em seguida no mesmo veículo, que era pilotado por um comparsa.
Uma ambulância do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) chegou a socorrer Dalvino para o Hospital Regional de Eunápolis, mas ele já chegou sem vida à unidade.
No momento do crime, o sargento acompanhava o dono de uma farmácia que levava um malote para depositar no Bradesco no centro da cidade. Ele estava de folga e prestava serviço como segurança. Segundo testemunhas, ele não teria reagido à ação, mas mesmo assim foi baleado e morto.
Como a arma do PM foi roubada e por conta da circunstância envolvendo um malote de dinheiro, a polícia investiga se o crime foi um latrocínio, roubo seguido de morte. O dinheiro, no entanto, não foi levado e a investigação também não descarta a possibilidade de execução. Dalvino trabalhava no presídio da cidade e pode ter tido a morte ordenada.
Dalvino já tinha quase 30 anos na PM e estava perto da aposentadoria.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário