Rapaz faz desabafo na internet antes de se esfaquear e incendiar padaria

Ele não aceitava término de namoro com funcionário do estabelecimento.
Segundo sobrinho, o homem tomava remédio contra depressão.


G1 BA, com informações da TV Bahia

(Foto: Imagens / TV Bahia)

O homem que se esfaqueou e ateou fogo em uma padaria no Largo de Roma, em Salvador, após um surto psicótico, na manhã desta quarta-feira (1º), fez um desabafo nas redes sociais, momentos antes do ato. “Tá (sic) chegando o momento. Todos vão se surpreender comigo”, postou Jorge Alves de Sousa.
De acordo com informações de testemunhas, o homem é dono de um salão de beleza vizinho à delicatessen. Ele tinha um envolvimento amoroso com um funcionário do local e não aceitou o término do relacionamento.
Sousa foi levado para o Hospital do Subúrbio. O estado de saúde dele é considerado estável.
Segundo Adriano Nunes, administrador da padaria, o ex-namorado de Sousa estava no estabelecimento, mas fugiu do local no momento do ocorrido. A padaria ficou completamente destruída.
Parentes disseram que Jorge Alves de Sousa tomava remédio contra depressão. “Já tinha dado surto, mas não foi desta maneira”, contou Renê Assis, sobrinho de Sousa. Sefundo Renê, durante os surtos, o tio nunca havia apresentado comportamento violento.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário