Mulher de ex-prefeito é feita refém durante explosão de caixa eletrônico

Esposa e sobrinha voltavam de festa quando foram surpreendidas.
Recepção da sede municipal de Riachão do Jacuípe ficou destruída.


Informações G1 BA

Recepção da prefeitura ficou destruída com a explosão (Foto: Site Calila Noticias)
Recepção da prefeitura ficou destruída com a explosão (Foto: Site Calila Noticias)
A prefeitura de Riachão do Jacuípe, a cerca de 190 quilômetros de Salvador, suspendeu temporariamente as atividades depois que um grupo de cerca de 15 homens explodiu dois caixas eletrônicos que ficavam na sede do executivo municipal, no Centro da cidade. O crime ocorreu na madrugada de domingo (5), por volta das 3h20.
De acordo com a Polícia Militar, os assaltantes chegaram em três veículos. Segundo testemunhas, antes de cometer o crime, o grupo colocou correntes e cadeados no portão do Batalhão da Polícia Militar da cidade, que fica a cerca de 300 metros do local. Além disso, o grupo também furou os pneus de algumas viaturas na tentativa de impedir a ação dos policiais.
De acordo com a Polícia Militar, após explodirem os caixas eletrônicos, os assaltantes capturaram e fizeram reféns a esposa do ex-prefeito da cidade e uma sobrinha dela, que retornavam de uma festa e passavam pelo local. Ambas foram liberadas em seguida pelo grupo. Ninguém ficou ferido.
Policiais militares dos municípios de Serrinha, Conceição do Coité e Feira de Santana foram acionados e realizaram buscas no local, mas não conseguiram capturar os homens. Com a explosão, a recepção da prefeitura ficou destruída. Em nota, o executivo municipal informou que as atividades só serão retomadas após a realização de uma reforma no local.
Compartilhar Google Plus

Caixa de comentários

0 Comentários:

Postar um comentário